Chá de cavalinha contribui para diminuir a retenção de líquido e eliminar toxinas

cavalinha-2

Muito antiga, a cavalinha é uma planta de folhas pequenas que mais se parecem agulhas. Não possui flores e pode servir tanto como decoração, como ao consumo humano.

Eliane Petean Arena, nutricionista celular, especialista em Nutrição Clínica, Saúde Pública, Administração Hospitalar e Alimentos Funcionais e Nutrigenômica, e diretora da Clínica Centro Nutrição Celular, destaca que a planta é rica em silícios, vitamina C e flavonoides, atributos que a transformaram num conhecido fitoterápico.

Além dos nutrientes principais, de acordo com Eliane, a planta também reúne pequenas quantidades de óleos e de compostos inorgânicos, tais como o magnésio, o fósforo, cálcio, o potássio, o sódio e o ferro. “Utilizada em forma de chá ou consumida em cápsulas com o extrato seco, a cavalinha possui muitas propriedades para o organismo”, destaca.

Alessandra Luglio, nutricionista do Espaço P4B Saúde Personalizada, ressalta que a cavalinha é geralmente consumida na forma de chás e conhecida por ter propriedades diuréticas e anti-inflamatórias.

Na área estética, o óleo de cavalinha tem se destacado, sendo utilizado em forma de cremes para o tratamento de estrias e celulite.

Os benefícios do chá de cavalinha

Alessandra destaca que, por apresentar propriedades diuréticas, o chá de cavalinha contribui para diminuir a retenção de líquido corporal e ajuda a eliminar algumas toxinas.

Eliane ressalta que, sendo um poderoso diurético, o chá atua nos processos de incontinência urinária infantil, além de auxiliar na diminuição do peso, nos quadros de dieta.

A nutricionista celular explica que as propriedades funcionais da cavalinha ainda são muito indicadas nos casos de doenças da bexiga e dos rins. “O fitoterápico também é um potente anti-inflamatório, revitalizante e adstringente, além de auxiliar a circulação sanguínea, trazendo benefícios para o metabolismo e ajudando na eliminação de várias toxinas presentes no corpo”.

“Os efeitos diuréticos do chá favorecem a queima de gorduras localizadas, agregando importantes benefícios antioxidantes ao organismo”, acrescenta Eliane.

“Hemorragias nasais, grande perda de sangue na menstruação, inflamação da próstata e vários casos de inchaço, também podem ser tratados com a ajuda do chá de cavalinha”, destaca Eliane.

Outra grande qualidade dessa planta é a presença das fibras que colaboram com a saúde das artérias, ainda de acordo com a nutricionista celular.

Além dos benefícios que o chá traz à saúde, ele também traz efeitos benéficos para a estética. “Atuando como um potente hidratante, o chá da planta estimula o processo de cicatrização da pele e do organismo como um todo. É benéfico também para tratar frieiras e aftas, interferindo positivamente na aparência das unhas”, diz Eliane.

“Com suas características naturais adstringentes, o chá de cavalinha diminui a oleosidade, reduzindo também o surgimento de espinhas e cravos”, acrescenta a nutricionista celular.

Nas questões que vão além do físico, o chá ajuda no tratamento da ansiedade e do estresse, de acordo com Eliane.

Dessa forma, podem ser destacados, resumidamente, como principais benefícios do chá de cavalinha:

  • Diminui a retenção de líquidos;
  • Ajudar a eliminar toxinas do organismo;
  • Atua nos processos de incontinência urinária infantil;
  • Auxilia na diminuição do peso e na queima da gordura localizada;
  • Ajuda a tratar doenças da bexiga e dos rins;
  • Auxilia a circulação sanguínea;
  • Ajuda a tratar hemorragias nasais e grande perda de sangue na menstruação;
  • Ajuda a tratar a inflamação da próstata;
  • Colabora com a saúde das artérias;
  • É um potente hidratante para a pele;
  • Estimula o processo de cicatrização da pele;
  • Ajuda a tratar frieira;s
  • Ajuda a tratar aftas;
  • Melhora o aspecto das unhas;
  • Ajuda a diminuir a oleosidade da pele, evitando a acne;
  • Auxilia no tratamento da ansiedade e do estresse.

Vale destacar que tais efeitos benéficos não são conquistados do dia para a noite. O consumo da cavalinha deve ser adequado, para que se possa usufruir de suas vantagens. Para isso, é fundamental contar com orientação médica ou nutricional.

http://www.dicasdemulher.com.br/cavalinha/